A Embaixadora que melhorou minha visão sobre a carreira do cristão no mundo

Portanto nós também, pois que estamos rodeados de uma tão grande nuvem de testemunhas, deixemos todo o embaraço, e o pecado que tão de perto nos rodeia, e corramos com paciência a carreira que nos está proposta,
Hebreus 12:1

Há alguns dias tive o privilégio de participar de um evento na residência de uma Embaixadora, em Brasília. Do motorista particular que nos foi buscar no aeroporto às cozinheiras, garçons e equipe de montagem e organização, cerca de 20 pessoas trabalharam arduamente para que tudo corresse da melhor forma e a Embaixadora seguisse representando tão bem seu país de origem.

De tudo o que mais me impressionou destaca-se a atitude da governanta daquela residência, que certamente refletia as orientações da Embaixadora. Muito solícita e disposta, me fez sentir como se eu estivesse em minha própria casa, derrubando por terra todas as minhas expectativas protocolares. Minha sensação foi a de que a Embaixadora e seu marido sabiam que estavam de passagem, e mesmo com tantos recursos à sua disposição, seguiam com amabilidade e um certo desprendimento afinal, aquela não era sua pátria.

Recursos do cristão como Embaixador neste mundo

 

Fazendo um paralelo com a vida cristã, pensei quão bom seria se adotássemos uma atitude genuína de desprendimento a ponto de evidenciarmos ao mundo que não somos daqui.  Como está escrito em 1 João 2:15, não devemos amar ao mundo, nem as coisas que nele há, pois são corruptíveis. Tudo passa, e essa esperança é o que deve mover o nosso coração.

Assim como a Embaixadora tem à sua disposição uma série de recursos para desempenhar da melhor maneira sua missão em uma pátria distante, o cristão não está só neste mundo. O Espírito Santo, a Bíblia e a igreja são alguns dos recursos com os quais podemos contar para representarmos da melhor forma o reino de Deus às pessoas, bem como atrairmos mais pessoas para esse reino.  

Que nós, assim como Paulo, possamos correr com perseverança a carreira proposta para o cristão, deixando de lado todo o apego às coisas passageiras, como bons Embaixadores da nossa pátria celestial.

Share

Deixe uma resposta