A futura população de idosos no Brasil e a igreja

DiadosAvos

As mulheres idosas, semelhantemente, que sejam sérias no seu viver, como convém a santas, não caluniadoras, não dadas a muito vinho, mestras no bem;

Para que ensinem as mulheres novas a serem prudentes, a amarem seus maridos, a amarem seus filhos, Tito 2:3-4

Você sabia que Brasil e Portugal marcam em seus calendários o dia 26 de julho como Dia dos Avós? Instituído no século XX pelo Papa Paulo VI para homenagear os pais de Maria, mãe de Jesus, o Dia dos Avós é uma excelente ocasião para relembrarmos as importantes contribuições, passadas e presentes, proporcionadas pelos anciãos à nossa comunidade.

E a população de idosos no Brasil só tende a aumentar

Até poucas décadas, o Brasil era considerado um país de jovens. Com a queda nas taxas de natalidade, avanço da medicina e melhoria das condições de saúde e infraestrutura, acompanhando o fenômeno mundial, o país caminha rumo à inversão de sua pirâmide populacional.

De acordo com Yeda Duarte, professora associada da Faculdade de Medicina da USP, em 2035 o número de idosos superará o número de crianças nascidas no país. “Todas as idades vão aumentar 35% nos próximos 25 anos. O número de pessoas com idade entre 85 e 99 anos aumentará 300%. No caso dos centenários, esse aumento chegará a 750%”, disse Yeda durante evento promovido pela Saúde Business. Ainda segundo a pesquisadora as famílias, principais responsáveis pelos cuidados de seus idosos, estão mudando radicalmente, passando a ser formadas por menos filhos e com demandas cada vez mais diversificadas.

Eu, idosa. O que será de mim?

Considerando esse cenário, torna-se impossível não pensar sobre a condição de nossos pais e nossa própria condição num futuro não tão distante. “Será que terei condições físicas e financeiras para cuidar de meus pais? E eu, caso não tenha filhos, por quem serei cuidada? ”

Deus, em sua infinita sabedoria, deixou para nós o corpo de Cristo, a igreja, para juntos adorarmos ao Senhor e suportarmos uns aos outros amorosamente (Efésios 4:2). Se por um lado, muitos não podem contar com uma família consanguínea para pedir auxílio nos momentos de necessidade, por outro, um membro do corpo pode – e deve –  contar com os demais membros para seu perfeito funcionamento. Uma mesma maravilhosa esperança para solteiras, casadas, viúvas, mães, avós…

Adote um idoso

Muitas vezes negligenciamos o convívio com grupos diferentes dos nossos. Fazemos amigos, e não saímos de nossa zona de conforto, deixando de nos relacionar com pessoas com as quais temos menos afinidades. E isso inclui os anciãos de nossas comunidades.

Como uma demonstração prática de amor, e pensando no exemplo para as futuras gerações, é importante dedicarmos mais tempo para os idosos de nosso convívio. Sejam eles familiares ou irmãos em Cristo, convém que nos aproximemos deles e valorizemos suas preciosas experiências dispondo nossos ouvidos de maneira humilde e atenta. Muitos erros podem ser evitados se ouvirmos idosos sábios.

Vale ressaltar que, seja qual for a idade, conselhos sábios devem ser sempre embasados por autoridade bíblica.

Share