Foto sensual com versículo

Ontem eu li uma frase que não saiu da minha cabeça: “nem cristãos, nem ateus explicam fotos sensuais acompanhadas de versículos”. De fato, infelizmente, já me deparei com muitas imagens desse tipo – e suponho que na era da “selfie” você deva ter visto muitas também. E aí, talvez você me pergunte: “o que é uma foto sensual”? “Como saber se a minha foto é sensual?”. Ou, ainda, relativize a situação dizendo “tudo varia de acordo com os olhos de quem vê.”

De nada adiantará eu recomendar que se tome cuidado com determinados ângulos, caras, bocas e olhares se o que move tudo isso é o nosso coração. 

Porque do coração procedem os maus pensamentos, mortes, adultérios, fornicação, furtos, falsos testemunhos e blasfêmias. Mateus 15:19

Uma pergunta que pode ser bastante útil em meio a essa questão é: qual a minha real intenção ao postar uma foto com versículo ou mensagem de encorajamento com menção a Deus? Glorificar a mim, ou glorificar ao Senhor? Se fizermos uma avaliação pessoal sincera, encontraremos a resposta.

E correu de ti a tua fama entre os gentios, por causa da tua formosura, pois era perfeita, por causa da minha glória que eu pusera em ti, diz o Senhor DEUS.
Mas confiaste na tua formosura, e te corrompeste por causa da tua fama, e prostituías-te a todo o que passava, para seres dele.
Ezequiel 16:14,15

Sabemos que na Terra cristão não é santo. Todo o que o confessa Jesus como seu Salvador pessoal (Romanos 10:9), compreendendo que Ele pagou o preço que não podíamos pagar para viver a eternidade com Deus – por melhores pessoas que tentemos ser –  é salvo, justificado. Entretanto, enquanto viver nesse corpo carnal, permanecerá pecador (Romanos 7:19). Ou seja, a Salvação é possível pela fé em Cristo e não depende do que a gente faz, mas do que Ele fez por nós. A garantia da Salvação, porém, não deve ser desculpa para que o cristão viva relaxadamente de maneira indiferente ao sacrifício de Cristo na cruz e aos ensinamentos e mandamentos deixados por Deus (Efésios 4:22-32Gálatas 5:13; 2 Coríntios 5:17; 1 Coríntios 6:20; 10:13). É preciso ser diferente do que se vê por aí!

O mundo tem dificuldade de entender o resgate de pessoas tão falhas mas parece entender, quase que instintivamente, o papel do acusador dos salvos, cobrando coerência entre palavras e ações daqueles que se declaram cristãos (Apocalipse 12:10). Já ao cristão, cabe aconselhar amorosamente (1 Coríntios 4:14), ajudando seu irmão na fé a não tropeçar, tampouco ser pedra de tropeço na vida dos outros (1 Coríntios 8), em especial, aqueles que ainda não aceitaram a Cristo como seu Salvador.

Escondi a tua palavra no meu coração, para eu não pecar contra ti. Salmos 119:11

Evitar deslizes como o da publicação de fotos sensuais acompanhadas –  ou não – de versículos passa, invariavelmente, pela dedicação ao estudo da Palavra, oração e tempo com Deus. O salmista foi muito sábio em dizer que guardar a palavra de Deus foi o jeito que encontrou para não pecar. Relembrar princípios bíblicos é um excelente recurso com o qual podemos contar para eliminar quaisquer dúvidas sobre o nosso viver.

Caso reconheça ter publicado imagens com a intenção de chamar a atenção para o seu corpo usando a palavra de Deus, ao término deste estudo pare tudo o que está fazendo e peça perdão ao Senhor. Considerando que o arrependimento genuíno passa pela mudança, dê passos práticos para não voltar a pecar, como comprometer-se com o Senhor a dedicar um horário fixo, todos os dias, para oração, leitura e meditação na Palavra. Caso ainda não frequente uma igreja, considere fazê-lo, pois é lá que você encontrará o apoio de pessoas capacitadas por Deus para te ajudar, bem como poderá fazer amigos que compartilharão os mesmos valores que você evitando, assim, as más conversações (1 Coríntios 15:33).

Se você deseja um dia testemunhar ao mundo sobre o amor de Deus por nós através do matrimônio, tendo o privilégio de protagonizar a representação da igreja (noiva) separada para Cristo (noivo), valorize seu corpo!


Gostou desse conteúdo? Compartilhe. Gostou ainda mais e deseja reproduzir em seu site ou preparar um estudo partir do que acabou de ler? Respeite os direitos autorais citando a fonte e o endereço desta página.

Share

3 comments

Deixe uma resposta