Jesus, meu amigo secreto

amigosecreto_2016

Regidos pelo tempo, levamos nossas vidas na base dos segundos, minutos, horas, dias e anos. Em algum momento nessa jornada,  a gente precisa encontrar alguns períodos pra dar aquela “desacelerada”. No senso comum, são eles: fim de semana, feriado, férias e fim de ano. E neste momento em particular, vivemos o período mais simbólico de todos, uma vez que em dezembro toda Terra – ou a maior parte dela -celebra o encerramento de um ciclo temporal e/ou o nascimento de Cristo.

É em dezembro que a gente costuma fazer aquele balanço de tudo o que aconteceu nos últimos meses e fazemos planos (Pv 16:1-3). Nesse período também nos empenhamos para rever aquelas pessoas queridas que a gente não conseguiu encontrar ou viu pouco nos outros 360 e poucos dias. E para otimizar as despesas com presentes, nada mais convidativo do que participar do bom e velho amigo secreto.

Difícil conhecer alguém que nunca tenha participado de um amigo secreto. A brincadeira que promove a integração coletiva ao mesmo tempo em que permite contemplar cada participante com um presente, carrega em seu nome a dinâmica do funcionamento: o segredo deve ser mantido até o momento da revelação. Vez ou outra um participante deixa escapar alguma dica sobre quem deverá presentear, instigando a curiosidade dos demais, mas a regra é clara quanto ao sigilo.

Fazendo um paralelo com a vida cristã, seria Jesus nosso amigo secreto? Será que temos escondido nossa identidade, crenças e valores, seja por vergonha, seja por medo de sofrer preconceito, e não revelamos a Cristo como nosso amigo cotidiano? É mês do aniversariante mais importante do universo. Se você não o fez ao longo do ano, eis o momento oportuno para revelar seu amigo secreto.

Jesus, meu amigo secreto

Amizade de verdade é aquela que a gente gosta de estar perto. Gosta de contar nosso dia. Gosta de contar os segredos.

Amizade de verdade vence o tempo. Vence a distância. Vence a circunstância.

Amizade de verdade é aquela que a gente não esconde. Não teme ser visto junto. Não teme declarar.

Share

Deixe uma resposta