Melhor refúgio e socorro na angústia

Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia. Salmos 46:1

Você já ouviu falar que o ano só começa depois do Carnaval? Aquele clima de festas embalado pelo Natal e Ano Novo, o calor do verão e o feriado prolongado que segue no mês de fevereiro trazem um certo distanciamento da rotina, lutas e responsabilidades. Mas, e depois da euforia, como lidar com a angústia e os medos dos desafios dos meses que virão pela frente?

No livro de Salmos capítulo 46:1 encontramos uma excelente recomendação para momentos de incerteza e adversidades. Quando as contas estão para vencer e não sabemos de onde virão os recursos, quando somos humilhados e trapaceados, quando nos sentimos abatidos pela doença, frágeis, fracos, feridos, é de um refúgio que precisamos. Um lugar tranquilo onde possamos encontrar alimento, calor e proteção para recuperarmos as forças e siguirmos adiante. Um lugar onde nos sintamos protegidos, como que cercados por muros fortes que nos isolem do resto do mundo e de tudo aquilo que nos machuca. O Senhor nos oferece exatamente isso.

No Senhor encontramos o consolo que precisamos e a esperança de um futuro melhor. Deus nos oferece inúmeros recursos para lidar com toda e qualquer situação. Por meio da oração, leitura da Palavra, compartilhar com os irmãos em Cristo, temos um porto seguro para repousar em busca da renovação das nossas forças e da nossa fé.

Jesus prometeu alívio a todos os que estão cansados e sobrecarregados (Mateus 11:28). Ele não é um Deus distante, que desconhece a nossa dor. Ele assumiu a forma humana, experimentou adversidades e enfrentou o castigo destinado ao pecador, a morte, mesmo sem pecar, por amor a nós. Mas não parou por aí. Antes de voltar para o Pai, o Senhor Jesus nos prometeu que não estaríamos sozinhos, mas que o Consolador, o Espírito Santo, estaria conosco (João 16:7). E como precisamos de consolo!

Que nos próximos meses deste ano decidamos buscar socorro no refúgio mais seguro.

Share

Deixe uma resposta