Semana santa ou vida santa?

Calvary

Estamos na chamada Semana santa, tradição de origem católica em que se lembra os últimos momentos de Jesus Cristo no mundo, marcados especialmente por sua sua morte e ressurreição.

A Semana santa encerra a chamada Quaresma, evento de 40 dias que se inicia logo após o Carnaval e se finda às 12h do chamado Sábado de Aleluia (em 2017, 15 de abril). Trata-se de um período em que as pessoas são chamadas à reflexão pessoal e à prática de boas obras, jejuns e abstinências.

Sabemos que a Quaresma é um período especial para o Cristianismo e que, de fato, deve ser lembrado com gratidão afinal, Deus amou tanto a nós, pecadores, que mandou seu Filho Jesus Cristo vir ao mundo dar Sua própria vida em nosso favor (João 3:16).

Se Jesus Cristo prometeu estar conosco todos os dias de nossas vidas (Mateus 28:20), porquê nos lembrarmos do que Ele fez por nós somente no período da Quaresma? Porquê não adotarmos uma vida de santidade o ano todo?

“Porém Samuel disse: Tem porventura o SENHOR tanto prazer em holocaustos e sacrifícios, como em que se obedeça à palavra do SENHOR? Eis que o obedecer é melhor do que o sacrificar; e o atender melhor é do que a gordura de carneiros” (I SAMUEL 15:22).

Um novo estilo de vida não só na semana santa mas no ano todo

A partir do momento em que um indivíduo entende o propósito da vinda de Jesus à Terra e aceita, gratuitamente, a Salvação com sua fé (Efésios 2:8-9), a Bíblia nos diz que ele passa a ser uma nova criatura (2 Cor 5:17). Uma nova criatura deve buscar a santidade e o relacionamento com Jesus sempre. E essa busca deve ter início em nosso coração pois, embora tenhamos sido criados para boas obras (Efésios 2:20, Mateus 5:16…), estas são apenas uma demonstração pública de fé. Como está escrito na referência de Efésios, não somos salvos da morte eterna por aquilo que fazemos (obras) mas pelo que Deus fez.

Busquemos a santidade, sermos amigos de Deus e termos intimidade com Ele, não apenas pelo que Ele fez ou faz por nós, mas por quem Ele é. E intimidade se adquire com convivência, com o dia-a-dia, e não apenas em datas memoráveis como a Páscoa ou Natal.

Cristo é a nossa esperança real de vida eterna. Seu corpo não foi encontrado porque Ele ressuscitou. Nesta páscoa, com ou sem chocolate, separe um tempo para estar ao lado de quem ama e agradeça a Deus pelo sacrifício de Cristo e a graça de, assim como Ele, podermos passar da morte para a vida!

Feliz Páscoa!

Share

Socorro bem presente

Cheguemos, pois, com confiança ao trono da graça, para que possamos alcançar misericórdia e achar graça, a fim de sermos ajudados em tempo oportuno. Hebreus 4:16 Na era Google, temos acesso fácil e rápido ao que desejamos no momento mais conveniente para nós....
Share
Curta e fique por dentro das novidades. ;)
Connect!